59% dos brasileiros têm depressão, aponta pesquisa

Uma pesquisa realizada pela Vittude apontou dados preocupantes de brasileiros com depressão, ansiedade e estresse. O levantamento publicado na revista Veja indica que 59% da população enfrenta um quadro de depressão. A ansiedade atinge 63% das pessoas e o estresse 37%.

Na matéria, a psicóloga Heloísa Caiuby afirma que esses números são reflexos do atual cenário de ritmo acelerado e muitas mudanças. “Muitas vezes não temos tempo sequer de assimilar uma mudança e já vem outra. Isso causa uma angústia tremenda porque as pessoas não conseguem dar conta”, conta ela.

Depressão e ansiedade são os transtornos mentais mais comuns no Brasil. Entretanto, muitas pessoas ainda não entendem a doença e ignoram os sintomas.

Segundo o Ministério da Saúde, entre os sintomas de depressão estão a tristeza profunda, falta de ânimo, pessimismo e baixa autoestima. “Para quem tem depressão, é tudo ou nada. Tudo é horroroso e nada está bom”, explica a psicóloga.

Enquanto isso, o transtorno de ansiedade traz preocupações ou medos exagerados e  sensação constante de que algo ruim vai acontecer. A doença também traz sintomas físicos como sudorese, palpitação, insônia, tremores, boca seca, dor de cabeça e tonturas.

Segundo Heloísa, tanto em relação à depressão quanto à ansiedade é preciso estar atento para a duração e intensidade dos sintomas. “Quando você está se sentido triste ou frustrado e passear no parque é suficiente para te fazer melhorar, é apenas um episódio. Mas quando os sentimentos duram muito tempo e são intensos a ponto de piorar a qualidade de vida, prejudicar o convívio social e afetar a saúde física, é um sinal amarelo”, elucida a psicóloga.

A pesquisa entrevistou 492.790 pessoas, entre 4 de outubro de 2016 e 23 de abril de 2019.

Confira a notícia na íntegra aqui.

 

Teste genético: Inovação no tratamento para depressão

A depressão e ansiedade são tratadas com medicamentos antidepressivos e psicoterapia. A medicina tradicional utiliza o método de tentativa e erro para prescrever os fármacos e testa até que o paciente encontre a alternativa mais eficaz. Entretanto, podem-se levar anos até acertar no tratamento.

Mas existe uma alternativa inovadora para o tratamento de transtornos como depressão e ansiedade.  Os testes genéticos são uma ferramenta da medicina personalizada, uma tendência que busca analisar os perfis individualmente para indicar o tratamento.

Os testes genéticos analisam como os genes interferem no metabolismo, resposta e toxidade dos fármacos. Assim, conseguem indicar quais são os medicamentos que devem apresentar maior eficácia para cada indivíduo e auxiliar o médico na prescrição. Como consequência, o tratamento é mais eficaz e seguro, com redução dos riscos de efeitos colaterais.

A Gntech® é um laboratório brasileiro que realiza o exame. O teste genético é efetivo para gerar conforto e qualidade de vida às pessoas que sofrem com depressão. Confira mais informações sobre o exame que ajuda no tratamento da depressão.

Deixe uma resposta